sexta-feira, 2 de junho de 2017

Guiné 61/74 - P17424: (De) Caras (74): Almoço-convívio anual de 'Os Lacraus', CART 2479 / CART 11 (Contuboel, Nova Lamego, Piche, Paunca, 1969-1970/71... Em Mem Martins, Sintra, em 27/5/2017... Para o ano será na Nazaré (Valdemar Queiroz)


Sintra > Mem Martins > Restaurante Retiro dos Caçadores > 27 de maio de 2017 > Almoço-convívio 2017 da Cart 2479 / CART 11 >  A.Duarte, Oliveira e Marques




Sintra > Mem Martins > Restaurante Retiro dos Caçadores > 27 de maio de 2017 > Almoço-convívio 2017 da Cart 2479 / CART 11 > Pais de Sousa e Aurélio Duarte




Sintra > Mem Martins > Restaurante Retiro dos Caçadores > 27 de maio de 2017 > Almoço-convívio 2017 da Cart 2479 / CART 11 >



Sintra > Mem Martins > Restaurante Retiro dos Caçadores > 27 de maio de 2017 > Almoço-convívio 2017 da Cart 2479 / CART 11 >  Pais de Sousa e Valdemar Queiroz



Sintra > Mem Martins > Restaurante Retiro dos Caçadores > 27 de maio de 2017 > Almoço-convívio 2017 da Cart 2479 / CART 11 > Canatário e Macias (Alentejo do norte e  do baixo. respetivamente)



Sintra > Mem Martins > Restaurante Retiro dos Caçadores > 27 de maio de 2017 > Almoço-convívio 2017 da Cart 2479 / CART 11 >  Aspeto parcial mesa (1)



Sintra > Mem Martins > Restaurante Retiro dos Caçadores > 27 de maio de 2017 > Almoço-convívio 2017 da Cart 2479 / CART 11 >  Aspeto parcial mesa (2)



Sintra > Mem Martins > Restaurante Retiro dos Caçadores > 27 de maio de 2017 > Almoço-convívio 2017 da Cart 2479 / CART 11 > Fachada do restaurante: Estrada de Mem Martins, 143, Mem Martins, Sintra


Fotos (e legendas): © Valdemar Queiroz  (2017). Todos os direitos reservados. [Edição: Blogue Luís Graça & Camaradas da Guiné]


1. Mensagem do Valdemar Queiroz [, ex-fur mil, CART 2479 / CART 11, Contuboel, Nova Lamego, Canquelifá, Paunca, Guiro Iero Bocari, 1969/70]



Data - 30/05/2017




Assunto - Convívio 2017 d 'Os Lacraus' da CART 2479-CART11 Guiné 1969-1970/71


Realizou-se, em 27 do corrente,  mais um almoço/encontro/convívio da rapaziada da CArt 2479 / CArt11 e familiares, no Restaurante 'Retiro dos Caçadores', em Mem Martins (Sintra),

Mais uma vez foi organizado pelo Artur Dias.  ex-Sold.Condutor da Companhia.  Foi a 27ª edição.

Foi uma tarde bem passada e voltamos a recordar alguns bons momentos de Nova Lamego, Canquelifá e Paunca.

Apareceu o Oliveira, 1º Cabo da arrecadação, sempre o mesmo 'finório' e antigo 'reguila alfacinha', recebido com grande simpatia. 

Também apareceu um poeta, com um livro de poemas e direito a declamação, que pertenceu ao Pel. Armas Pesadas que esteve connosco em Piche.

Para o ano há mais e vai ser na Nazaré.

7 comentários:

Tabanca Grande disse...

Valdemar, parabéns!... Somos cada vez menos, mas continuamos valentes. Vocês já eram poucos, tal como a nossa CCAÇ 2590 / CCAÇ 12 que só se reune "encostada" aos batalhões de Bambadinca (BCAÇ 2852 e BART 2917) a que esteve adida (1969/71)...

Tem piada, ontem conheci pessoalmente o Abílio Duarte... Ou melhor, já não nos víamos desde os tempos heróicos de Contuboel (junho/julho de 1969)... Foi ele que me reconheceu. Eu vinha do ginásio e ele ia para a Makro, aqui em Alfragide... Fiquei com o nº de telemóvel dele. É meu vizinho da Amadora, trabalhou no BNU... Falámos da malta, mas não deste convívio, a que ele não deve ter ido... Ab. LG

Tabanca Grande disse...

Já perecebi onde vocês foram buscar o nome de "Lacraus" para a vossa companhia... Foi o Abílio Duarte quem mo contou ontem: nos primeiros tempos, quando chegaram em Contuboel, 3 meses ou quatro meses antes de nós, ao Centro de Instrução Militar, para dar a recruta a 200 homens do recrutamento local (futuros militare da CART/CCAÇ 11 e CCAÇ 12), o pessoal ficava em tendas, num bivaque... E os lacraus eram mais que muitos... Os africanos diziam que o lacrau guineense não era mau bicho... Nós depois, em junho/julho de 1969, quando fomos dar a especialidade e fazer a IAO com os nossos fulas, tanbém ficámos em bivaque... Mas tenho belas recordações de Contuboel "onde não havia guerra"...

Tabanca Grande disse...

... e onde o Renato Monteiro ía morrendo, afogado, na "represa" junto à ponte de madeira sobre o rio Geba... LG

Valdemar Silva disse...

Luís é como dizes, a história de 'Os Lacraus', começa assim, mas já nos Adidos, em
Bissau, quando chegamos houve contacto da rapaziada com lacraus, pois os soldados
ficaram alojados em tendas.
Quando passamos a CART 11, em Nova Lamego, o ex-fur.mil. Pechincha queria que fosse-mos a 'POP CART' arranjou desenho pró crachá e tudo, mas não foi bem aceite. Então
fui eu que me lembrei de 'Os Lacraus' e assim ficou. O meu desenho do araneídeo não está famoso, mais parece um caranguejo/lacrau, o resto é fácil de entender e a cor de fundo representa o calor que todos sentíamos e quando vim a primeira vez de férias a Lisboa encomendei no 'Frei Gravador', na Rua da Vitória, 50 crachás que depois foram vendidos na Secretaria da Companhia. Não me lembro quanto custaram e por quanto eram vendidos.
Abraços
Valdemar Queiroz

Tabanca Grande disse...

O Pechincha era mais artista mas tu tiveste a melhor ideia... No bestiário da Guiné, temos todos e mais alguns nomes da bicharada da arca de Noé, dos Tigres (de Cumbijã), aos Gaviões, dos Leões Negros (CCAÇ 13, se não erro)aos Gatos Pretos (CCAÇ 5)... O Lacrau também é criatura de Deus e é temido... Parabéns... LG

abilio duarte disse...

Olá Valdemar,
Vejo que a festa correu bem, e que tu estiveste presente, o que é sinal das tuas melhoras.
Aparece numa foto com o Aurélio Duarte, o Cabo da arrecadação, não me lembro nada deste camarada.
Tens que me dar umas luzes a ver se o recordo.
Um abraço.

Valdemar Silva disse...

Olá Duarte
Obrigado pelo teu cuidado.
Sim fui ao Convívio em Mem Martins e correu tudo bem, depois da rapaziada ir
embora eu e o Canatário, que estava à espera da filha, netos e genro, fomos dar
uma volta com o Dias à Casa do Benfica-Mem Martins e a casa dele beber uns copos.
Cheguei a casa que nem me lembro como.
O Cabo da arrecadação é o Oliveira que agora não está muito diferente embora tenha
feito uma grande operação ao pescoço. Julgo que te lembras dele era o 'reguila finório' da arrecadação, não me lembro de nenhum facto de recordar. Ele já esteve
connosco noutro Almoço/Convívio anterior e até contou aquela situação de ter encontrado há anos o Vera Cruz, na baixa de Lisboa, e ia-o cumprimentar mas o Vera Cruz disse-lhe que não conhecia ninguém e nem lhe apertou a mão. Parvoíces do Vera Cruz.
Pró ano vai ser na Nazaré
Um abraço
Queiroz