terça-feira, 12 de abril de 2016

Guiné 63/74 - P15966: In Memoriam (252): Júlio Rafael Moreira Assis (1948-2016), ex-Soldado Radiotelegrafista da CCS/BART 2917 (Bambadinca, 1970/72) (Benjamim Durães)

1. Mensagem do nosso Camarada Benjamim Durães (ex-Fur Mil Op Esp do BART 2917, Bambadinca, 1970/72), com data 11 de Abril de 2014:

Faleceu no passado dia 10 de Abril de 2016 o nosso ex-camarada JÚLIO RAFAEL MOREIRA ASSIS, Soldado Rádio-Telegrafista da CCS / BART 2917. 

Hoje, às 15,00 horas irá para a igreja do Porto Salvo e será cremado no dia 12 de Abril (terça-feira) pelas 10,30 horas no cemitério de Barcarena. 

A informação foi dada pela filha Fernanda Assis Barreto, por e-mail de 10/04/2016. 

O telemóvel da filha é o 96 987 63 82.

Júlio Rafael Moreira Assis
Ex-Soldado Radiotelegrafista
CCS / BART 2917

As condolências da Tabanca Grande à família e aos camaradas da CCS/BART 2917.
____________

Nota do editor

Último poste da série de 11 de abril de 2016 Guiné 63/74 - P15963: In Memoriam (251): José Moreira (1943-2016), ex-fur mil, CCAÇ 1565 (Jumbembem e Canjambari, 1966/68), um grande ser solidário, um grande ser humano, cofundador e líder da ONGD "Memórias e gentes" (, com sede em Coimbra)... Recordamos a sua pessoa, os seus valores e a sua obra, através de uma entrevista de há 5 anos

5 comentários:

Anónimo disse...

Os meus sentimentos à família enlutada.
Que descanse em paz.
BS

Anónimo disse...

Que descanse em Paz.
José Câmara

Tabanca Grande disse...

Pois é, amigos e camaradas, às vezes o nosso blogue parece mais um "boletim necrológico"... Não nos surpreendemos nem nos iludamos: estamos na fila... Há dias dizia uma pessoa amiga, em pânico: "Os nossos amigos estão a morrer!"... É uma sensação estranha... Quando se tem 20 anos, a última coisa em que pensamos é na morte. Mesmo na guerra!... Na Guiné, vi matar e morrer mas nunca pensei na minha morte... Agora são os camaradas que estiveram próximos de nós, que estão a desaparecer... Estive com o Assis em Bambadinca 10 meses , enter 1970 e 1971... Éramos mnuitos, não consigo lembrar-me dele, mas estive com ele... Que a terra da sua terra lhe seja leve!... E vai sê-lo,porque foi cremado.

Um beijinho de pesar para a sua filha e demais família. Luís Graça
ã

J. Armando Almeida disse...

O Assis era um das "minhas transmissões" de Bambadinca.
Recordo este camarada com um sentimento de grande tristeza pelo seu desaparecimento.

Um abraço de pesar para toda a sua família.

J. Armando Almeida
ex-Fur Mil Transmissões CCS/BART 2917

Tabanca Grande disse...

Armando, a morte de um camarada toca-nos a todos. Até Monte Real! Luis